terça-feira, 22 de abril de 2014

às vezes a gente nem se dá conta do tamanho da vida...


recebo muitos "nãos"... mas cotidianamente tento oferecer um Sim maior...
um sim que chega (e vai )até sem ser pronunciado...
sinto um pouco da tristeza do Não...
mas dali a pouco vem esse Sim no peito e o enche de esperança e afeto...
o sol reforça esse sim
e num cantinho do peito faz reserva de amor para me alimentar nas secas...
mas eu não o guardo pra mim... o amor é o alimento que quanto mais oferecemos mais ele nos dá.

Um comentário:

A Marques disse...

"...e num cantinho do peito faz reserva de amor para me alimentar nas secas...
mas eu não o guardo pra mim... o amor é o alimento que quanto mais oferecemos mais ele nos dá."

Perfeito isto!!!
De fato...
Na vida temos de lidar com uma infinidade de "nãos"... Esses "Nãos" possuem uma didática que, nem sempre, será facil de se assimilar, pois, às de passar constantemente pelas teimosias de nossos corações com os seus anseios e impaciências. Esses "Nãos", as vezes, nos vem como uma proteção de que precisamos ter, tanto para conosco, quanto para quem amamos. A lição do "Não" é exercicio diário; É luta constante, cuja vitória nos vem em fragmentos ( no dia-após-dia ). O coração anseia sempre um SIM, pois, só ele sabe do que sente e deseja. A razão diz "NÃO", pois, só ela sabe dos "quês" da vida! E assim segue o ser... com estes conflitos que sempre nos custam algo...

...em beneficio de outro algo?!?


Bom...



Cada caso é um caso e, muito há que se pensar a respeito!!!


Um bom dia e parabéns pela escrita!!! A imagem é linda!!! Gostei muito!!!

Postar um comentário